Como funciona a ficção

Como funciona a ficção

James Wood

Coleção: Quem lê Sabe Por quê
ISBN: 978-85-504-0481-3
Ano: 2017
Páginas: 232

Preço sugerido: R$ 39,00
Capa: Brochura
Formato: 23 X 14,2 cm
Código: 065864

Resumo do livro .

Notabilizado por seus ensaios na revista The New Yorker e professor de crítica literária na Universidade de Harvard, Wood aborda, numa prosa inteligente e aguçada, os mecanismos, procedimentos e efeitos da construção narrativa. A representação do real na literatura é o eixo central de Wood, que questiona os limites entre artifício e verossimilhança na ficção. Em dez capítulos, elementos fundamentais do texto ficcional são discutidos pelo autor: o personagem, o foco narrativo , o estilo. A partir de vasto e diversificado repertório literário - de Henry James e Flaubert, de Tchékhov e Nabókov a Beatrix Potter e John le Carré -, este livro "perspicaz e cheio de achados", nas palavras de Milton Hatoum, traz análises reveladoras e acessíveis mesmo àqueles que desconhecem os rudimentos da crítica literária. Referência fundamental para escritores em formação, professores de literatura, e todos que se interessam pelo mundo das letras.

 

SOBRE O AUTOR:

James Wood nasceu em 1965, em Durham, na Inglaterra. Foi resenhista do jornal The Guardian de 1992 a 1995 e editor da revista The New Republic, entre 1995 e 2007. Desde então, escreve na revista The New Yorker. Professor de crítica literária na Universidade de Harvard, escreveu dois livros de ensaios The Broken Estate: Essays in Literature and Belief (1999) e The Irresponsible Self: On Laughter and the Novel (2004) – o qual foi finalista do National Book Critics Circle Award –, um romance, The Book Against God (2013), e o estudo Como funciona a ficção (sesi-sp editora, 2017). Em 2009, venceu o National Magazine Award na categoria resenhas e críticas. Denise Bottmann nasceu em Curitiba em 1954. Graduou-se em história pela Universidade Federal do Paraná; é mestre em teoria da história. Foi docente de filosofia da Unicamp. É autora de Padrões explicativos na historiografia brasileira e vários artigos de crítica e teoria historiográfica em revistas especializadas. Atua como tradutora de inglês, francês e italiano desde 1985, nas áreas de ciências humanas, história da arte, teoria e história literária.



A coleção .

Quem lê Sabe Por quê



Literatura Geral .

Baixe os aplicativos SESI-SP em seu smartphone